19 de mar de 2013

Resenha: Filme #1


Como eu disse anteriormente no Twitter, algumas pessoas sugeriram que eu começasse a postar resenhas de séries, filmes e livros. E eu prometo que vou tentar fazer isso. Assisti um filme no final de semana que passou e enquanto assistia, pensei que seria uma boa fazer uma resenha do mesmo.
Acredito que o filme-tema da #1 resenha não seja tão famoso quanto merecia e que também não é um filme que precisou de muito investimento. Mas o roteiro vale por tudo.
Prayers for Bobby (Orações para Bobby) fala sobre relacionamento familiar, descoberta de novos sentimentos e da dor de não ser aceito não por um amigo ou um colega, e sim por um membro da família. A história desse filme daria um Oscar. Apesar de gerar uma certa intrigação com as palavras pregadas na Bíblia, esse filme não é religioso e nem preconceituoso. Já li críticas construtivas e infelizmente li críticas sem fundamentos de alguns cristãos. O filme retrata principalmente a dificuldade de Bobby assumir para sua família (em especial, sua mãe) que é homossexual. No meio do filme, me “lembrei” que a história é verídica e isso me fez gostar mais ainda do filme. O fato de juntarem o assunto homossexualismo + visão da igreja + Bíblia Sagrada já torna esse filme ótimo e extremamente ousado. Vi que concepções e ideais sociológicos e religiosos todos têm, mas que quando compartilhadas de forma imposta e desajeitada ferem profundamente. 

ATENÇÃO: você precisa saber que não existe o clichê do “final feliz” nesse filme. O final pode ser feliz de acordo com a sua interpretação.



Sinopse
Mary (Sigourney Weaver) é uma religiosa que segue à risca todas as palavras da bíblia. Quando seu filho Bobby (Ryan Kelley) revela ser gay, ela imediatamente leva o filho para terapias e cultos religiosos com o intuito de “curá-lo”.

Peguei a menor sinopse possível para não estragar a emoção de quem for ver o filme pela primeira vez. Alguém aí já viu? Gostou tanto quanto eu?
E não esqueçam que as sugestões de vocês são fundamentais! Tanto de filmes, como de livros e seriados.

4 comentários:

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul & Blogger Team
alt="Posts Relacionados"/>